Como escolher a cor certa

Louro, marrom, vermelho, preto... A cor do cabelo tem o poder de valorizar seus olhos e sua pele e até de conferir um ar glamouroso ou moderno ao visual. Tudo depende da escolha certa. Por isso, é preciso entender por que certas cores funcionam para algumas pessoas e para outras não.

Cada cor, uma sentença

Nem sempre a cor da moda fica bem em você. Para não errar, um dos conselhos de Renato Aros, diretor técnico da Capelli e especialista em tinturas, é escolher tonalidades não muito distantes da sua cor natural. Um tom que contrasta com sua pele pode realçar ou apagar o rosto. Por isso, atenção! Fique longe daquele que não combina com você.

Na pele

A melhor maneira de saber se uma cor combina com você é experimentando. "Mas é claro que você não vai fazer esse teste no próprio cabelo", diz Wanderley Nunes, do Studio W. "Pegue uma pequena mecha da cor que pensa em adotar e coloque perto do rosto. Se não encontrar nenhuma daquelas cartelas que mostram fios de cabelo em vários tons (as perfumarias ou salões costumam ter), vale pegar do cabelo das amigas", ensina Wanderley.

Nos olhos

A pigmentação amarela existente na íris dos olhos castanhos, verdes e azuis pode revelar o tom de louro que combina mais com o seu rosto. Se os pontinhos forem dourados, escolha louro-dourado; se forem mais opacos, louro-bege é a cor indicada.

Loura fatal

Quem tem mais chance de convencer no papel de uma deusa loura? "A castanha com pele branca, bochechas rosadas e olhos claros", ensina Roberto Aros. Olhos azuis ficam melhor com louro-bege; já o louro-dourado cai bem em peles levemente bronzeadas e olhos verdes. Aros não recomenda tons acinzentados, porque alguns fios podem acabar esbranquiçados - o que envelhece. E as morenas de olhos escuros, não podem virar louras? Sim, mas, para garantir um bom resultado, é necessário seguir alguns critérios: evite louros muito claros se não quiser ficar com um look totalmente falso. "Escolha tons naturais próximos ao louro-escuro", aconselha.

Preto nada básico

Preto com nuances azul ou violeta fica chique em mulatas e negras. As clarinhas precisam tomar bastante cuidado. O contraste com a pele branca resulta num look fashion, não muito natural, que só funciona em determinados casos.

Vermelho quente

As nuances poderosas do vermelho caem como uma luva em tipos exóticos, como as orientais, que podem se entregar sem medo a qualquer tom. Para as mulatas mais modernas, a cor é o acaju. Quem tem pele clara com sardas também se dá bem como ruiva.

Entenda as cores

Você não entende aqueles números, 6.4, 7.1 ou seqüências do gênero, que aparecem na embalagem das tinturas? É fácil. Quando tem apenas um número, é a cor base (ao todo são nove: preto, castanho-escuro, castanho-médio, castanho-claro, louro-escuro, louro-médio, louro-claro, louro-claríssimo e louro muito claro). Se são dois números, 6.3, por exemplo, o primeiro indica a base e o segundo a nuance (no total, existem nove: cinza, mate, dourado, vermelho-dourado, acaju, violeta, marrom, pérola e fumê).

Fonte: Revista Nova

Política de Privacidade | Contato | Corpo Perfeito | ©2008 Mais que Beleza